9 de jan de 2012

Outro Colaborador

Pra quem não me conhece sou Lucas Coimbra Maia, praticante de skimboard e também vendedor de skims aqui em Salvador. Junto com Diego Moreira e André Ferrero, fui um dos três pioneiros a usar skimboards Profissionais aqui na Bahia.
Antigamente aqui só existia na sua forma arcaica: a velha brincadeira conhecida como "Frus" ou "Fluir", que se resumia a deslizar na areia molhada e fazer manobras simples como mortais, batidas na espuma da onda e giros na areia. Com os Skims prós se consegue fazer o estilo "Waves" do esporte, em que o atleta skia até a onda, e domina-a a ponto de surfá-la, executando nesse meio-tempo vários tipos de manobras.
Em meados de 2007, eu, André e Diego, soubemos da existência dos skimboards de verdade vindos de outros estados, feitos de blocos de espumas de forma a deixá-los mais leves e consequentemente mais flutuáveis (fator importantíssimo pro estilo clássico, o Waves). Estes skims de espuma eram MUITO diferentes daqueles skims fuleiros de madeira que encontrávamos a venda na cidade, que só serviam pra brincar de "frus". Desde então, pode-se dizer que começou o skimboard verdadeiro, o skimboard clássico, aqui em Salvador.
Resultado: de lá pra cá se passaram quase cinco anos, e a galera que pratica o skimboard vem crescendo cada vez mais pela cidade e arredores. Hoje temos nosso grupo no Facebook, e por lá marcamos as sessions, trocamos ideias e etc. Fica aqui o canal mais uma vez:
http://www.facebook.com/groups/skimboardsalvador/
Por falar em sessions logo na segunda session de 2012, pegamos um mar perfeito no Barravento (que por sinal tem se mostrado o pico mais constante no verão).
Quem colou na session foi: Levi, eu (Lucas), Raonir, Mateus, Josué, o primo dele, e Madureira. Quem foi não se arrependeu, chegamos lá às 11h e à medida que o tempo foi passando o mar foi melhorando, ficando no auge das 12h até as 14h. Quando deu 15h o mar já tinha diminuído bastante de tamanho, então parei de skiar pra ir tirar algumas fotos com a câmera de Madureira. O resultado está aqui em baixo:



Madureira
Mateus
Raonir


Madureira

Sequencia de Mateus escaldando no madeirão
autor do post

Um comentário:

Ynad disse...

Percebi em seu blog que vc tambem vende pranchas ne? quanto ta custando uma (sem ser de madeira)??? tenho interesse urgente em uma.Obgd